Núcleo – A Unidade Essencial (AUM – A Unidade Mundial)

A União dos Grandes Mestres

Sempre vieram Mestres para orientar a humanidade no caminho do autoconhecimento, caminho este que conduz a Felicidade Perfeita, à Paz Suprema. Cada Mestre ensina de acordo com as condições e circunstâncias da época, porém sempre apontando para a mesma Verdade: todos os homens são o Divino Ser.

Ninguem foi maior na revelação do Amor supremo que Jesus Cristo. Ninguém foi mais explícito no ensinamento da Sagrada Yoga que Krishna. Ninguém foi mais direto que Bhagavan Sri Ramana na revelação do caminho para a conscientização do Ser Supremo. Ninguém foi mais pleno na orientação sobre a libertação da dor que Budha. Ninguém foi mais perfeito na unidade, na codificação da Verdade, que Shankaraya. Ninguém foi mais claro sobre a unicidade das Religiões que Masaharu Taniguchi.

“Ele (O Ser) É todos os Mestres” (e é o que percebe-Se em e através de tudo e todos).

Quando se conhece a Verdade, percebe-se a união de todos os Mestres. Porém, só saber dela, conhecê-la intelectualmente, não traz a conscientização espiritual. É necessário realizar plenamente, em si mesmo, a Verdade de todos os Mestres. Só assim é possível ao homem compreender e sentir os reais valores, eternos e presentes, e não mais ser escravizado pelas circunstâncias da vida, movido pelas emoções, que conduzem ao efêmero, ao ilusório. Somente pela conscientização da essência divina é possível sentir toda a plenitude de SER.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s